A Vida no Centro

Francine Costanti

Olhar literário

Francine Costanti é jornalista, e seus textos - na maioria sobre cultura e entretenimento - já passearam por algumas redações de portais e agências. Como inspiração pessoal, a ideia aqui é explorar a cena de música e literatura do Centro de São Paulo, desde os contos literários de Mário de Andrade até as letras de Emicida. Esse espaço é feito para e por todos. Por isso fique à vontade para deixar sugestões.

10 cafés para ler seus livros no Centro

O Centro tem vários cafés excelentes, com comidinha gostosa e ambiente acolhedor. Aqui, uma listinha dos mais interessantes pra você pegar o seu livro e mudar de ares

Publicado em:
Tempo de leitura:5 minutos

Devo confessar que esse texto foi totalmente inspirado no livro “Linha M”, da multiartista e talentosíssima norte-americana Patti Smith. Para quem não conhece, a Patti é aquela garota que aparece de camisa e gravata na capa do disco “Horses”, talvez o seu mais popular trabalho. A foto icônica tem bastante história, mas isso é papo pra outra hora…

No livro, Patti fala sobre o hábito de sentar numa mesma mesa de canto do Café’Ino, em Nova Iorque (EUA), enquanto lê seus livros e observa as pessoas ao redor. Ela era sempre atendida pelo mesmo garçom, que já a conhecia e fazia questão de recebê-la como uma íntima amiga. Em certo momento, ela tem a ideia de construir seu próprio café, o que não acontece, mas dali saem outras experiências mais ricas contadas nas próximas páginas.

Se você também gosta de ler bons livros, mas cansou de ficar sentado no sofá de casa, apresento alguns lugares, que além de bem tranquilos são um charme à parte, pra que suas leituras sejam prazerosas e acompanhadas de cafezinhos deliciosos.

Fazenda Café

Fazenda Café

Fazenda Café

Com uma decoração que realmente remete a uma fazenda, detalhes em madeira, mesas rústicas e um atendimento intimista, o café é um ótimo lugar pra sentar, comer um pastel de Belém e olhar as pessoas do lado de fora pela enorme porta de vidro da entrada.

Largo São Francisco, 20 – Sé
Segunda a sexta das 7h às 19h
Sábado das 9h30 às 14h
Fechado aos domingos
Telefone: (11) 3101-8117

Café Martinelli

Ao entrar nesse café você vai se sentir nos anos 1940. O espaço é pequeno, mas bem distribuído. Algumas pessoas se juntam para fazer reuniões ou mesmo para ler um livro. Experimente o queijo quente que vem no prato, é divino!

RuaLíbero Badaró, 508 – Centro
Segunda a sexta das 7h30 às 19h30
Fechado aos sábados e domingos
Telefone: (11) 3104-6825

Café do Pateo

Café do Pateo

Café do Pateo

Poucas pessoas conhecem esse café, que fica nos fundos do Pátio de Colégio. Atrás do café ainda tem um lindo jardim com bancos para admirar as plantas e árvores gigantes do quintal. Enfim, tem espaço à vontade para você escolher qual será a leitura da vez. Os bolos têm gostinho de caseiros e o pão com manteiga vem quentinho.

Largo Páteo do Colégio, 1 – Sé
Fecha às segundas
Terça a domingo das 9h às 16h30
Telefone: (11) 3101-8512

NEWSLETTER

Assine nossa newsletter para ficar por dentro de tudo o que rola no centro

Santinho

Você já pode imaginar o que esperar de um café que fica dentro do Theatro Municipal, certo? É como se a gente revivesse uma época distante. Vale só pela experiência do lugar. O almoço também é super recomendado!

Praça Ramos De Azevedo, S/N – Centro
Segunda a sexta das 10h às 17h
Fechado aos sábados e domingos
Telefone: (11) 3222-1683

Café Girondino

Café Girondino

Café Girondino

Com carinha de café parisiense, o lugar serve cafés deliciosos. Ótimo para ler poesias ou contos de autores consagrados. Os doces são divinos e o cappuccino de dar água na boca. Aproveite o ambiente para tirar fotos, porque tudo é clássico e lindíssimo.

R. Boa Vista, 365 – Centro
Segunda a sexta das 07h30 às 22h
Sábado das 8h às 20h
Domingo das 8h às 18h
Telefone: (11) 3229-4574

Flashback Café (Centro Cultural Banco do Brasil)

No meio das ruas largas para pedestres está o café do CCBB. Peça o café com cardamomo e um bolo red velvet enquanto tira seu livro da mochila. O atendimento é excelente. Eles ainda vendem café de produção própria.

R. Álvares Penteado, 74-172 – Centro
Segunda a domingo das 9h às 20h
Telefone: (11) 3113-3676

Caffè Latte

Numa rua estreita e simpática fica esse café pequeno, mas muito acolhedor. Dentro do ambiente há sofás e poltronas, mas se você gosta de sentar ao ar livre também pode. Bolos caseiros, doces gourmet e cafés especiais fazem parte do cardápio. A dica é passar por lá no final da tarde em que o movimento das ruas está mais tranquilo e silencioso.

R. do Comércio, 58 – Centro

Segunda a sexta das 08h às 20h

Fecha aos sábados e domingos

Telefone: (11) 3242-1700

Por Um Punhado de Dólares

Já mais afastado do centro, mas que pode se chegar a pé, está um dos cafés mais charmosos da região. É indicado para uma tarde em que você está entediado em casa e quer fugir para algum cantinho acolhedor. Peça o bolo de chocolate com calda de café e depois aproveite a leitura.

R. Nestor Pestana, 115 – Consolação
Segunda a domingo das 10h às 22h
Telefone: (11) 3214-5891

Jardin Cafeteria

Jardin Cafeteria

Jardin Cafeteria

Junte sua paixão por plantas, flores e livros e vá até a Vila Buarque para conhecer esse lindo café.No meio de tanto verde, você pode escolher uma poltrona e ficar ali por horas relaxando no silêncio.Como eu sou fã de doces, indico o brownie quente com sorvete de baunilha (esse sorvete é imperdível!).

Rua Gen. Jardim, 494 – Vila Buarque
Segunda a sábado das 11h às 19h
Fecha aos domingos
Telefone: (11) 3151-3789

Takko Café

Takko Café

Takko Café

Com um toque japonês na decoração, como remete o nome, o lugar é ótimo para tomar um café matinal. Há uma mesa de madeira grande onde você pode se sentar confortavelmente enquanto passeio os olhos pelo livro. Peça o café com leite, uma torrada com tomates assados ou o queijo quente com picles. O cardápio é bem variado de lanches gostosos.

Rua Dr. Cesário Mota Júnior, 379 – Vila Buarque
Segunda a sábado das 9h às 19h
Domingo das 10h às 17h
Telefone: (11) 3214-5322

 Leia também: 

5 cafés para reuniões de trabalho no centro de São Paulo

Conheça todos os bares da Praça Roosevelt, o point da boemia no centro de São Paulo