A Vida no Centro

Publicado em:
Tempo de leitura:5 minutos

Veja fotos do A Vida no Arouche, encontro de música, arte e fotografia

Organizado pelo A Vida no Centro, evento foi realizado em um dos locais mais tradicionais de São Paulo, o Largo do Arouche

Uma noite para festejar a cultura do Centro de São Paulo. Esse foi o “A Vida no Arouche”, encontro concebido e organizado pelo A Vida no Centro na noite do dia 13 de junho de 2018, no BK30 Largo do Arouche, novo empreendimento que fica em uma das áreas mais tradicionais da cidade.

Num clima descontraído, o evento foi realizado nas áreas externas do prédio e teve música ao vivo, fotografia e arte digital. Um dos destaques da noite foi a iluminação da fachada do prédio, que deixou o Arouche ainda mais colorido.

Como foi a programação do A Vida no Arouche

A noite teve show de Thiago Pimentel Quarteto, que levou para o palco um repertório com grandes nomes do jazz americano e mestres da música brasileira – de Charlie Parker, John Coltrane e Wayne Shorter a Luiz Gonzaga e Chico Buarque. Tudo isso numa vibe cool, animada e vibrante. Professor de guitarra e compositor – seu álbum autoral se chama “Sal” -, Thiago foi acompanhado por feras da música instrumental paulistana: Evaldo Guedes, contrabaixista que tocou com Ivan Lins, Cauby Peixoto, Elza Soares e Maria Rita; Chico Filho, saxofonista e professor de música que já participou de orquestras e tem CD autoral lançado; e Giba Favery, baterista que tocou e gravou com nomes como Cauby Peixoto, Celso Pixinga Quinteto, Paulo Moura, Jair Rodrigues e Secos & Molhados.

Além de música, o A Vida no Arouche teve exposição de fotografias do arquiteto e fotógrafo Eli K Hayasaka, que mostrou a todos, mais uma vez, o encanto da arquitetura do Centro de São Paulo. E, nas paredes, projeções digitais do artista gráfico Rica Ramos, que fez ilustrações de ícones de São Paulo.

Por que no Largo do Arouche

O Centro de São Paulo está se transformando num importante polo de inovação e cultura. O Largo do Arouche, especificamente, também vem passando por transformações importantes, com a chegada de novos bares e restaurantes, o que tem atraído para a região um público jovem adulto antenado e contemporâneo. E essa cena ganha força a partir do momento em que aqueles que criam, inovam e buscam uma cidade melhor se encontram –  para se divertir e ter novas ideias.

Veja o filme:

https://home/wp_wm9wu9/avidanocentro.com.br.youtube.com/watch?v=5JXbEBkKgjg&t=1s

 

E aqui as fotos: