A Vida no Centro

Publicado em:
Tempo de leitura:5 minutos

Tours no Centro: a pé ou de bike, opções para curtir o Centro em grupo

Grupos que se reúnem para explorar a cidade são uma boa opção para quem quer se aventurar em tours no Centro a pé ou de bike

Muita gente já percebeu que o Centro de São Paulo tem muita história e uma beleza arquitetônica única. Afinal, durante séculos a cidade ficou concentrada nesta região e por ali se desenvolveu. Por isso, vários guias desenvolveram tours no Centro: para quem prefere conhecer o local em grupo. Pode ser um grupo de amigos ou amigos que você faz na hora.

NEWSLETTER

Assine nossa newsletter para ficar por dentro de tudo o que rola no centro

São várias as opções de passeios a pé ou de bicicleta. Os passeios em grupo aumentam a segurança e garantem uma proteção mútua na hora de tirar o celular para fazer aquela selfie em frente aos prédios históricos.

E, neste momento de pandemia, todos os grupos estão mais restritos, seguindo as regras de proteção como uso de máscara, álcool gel para higienização. E, o melhor: todos os passeios acontecem ao ar livre. Tem coisa melhor para este momento?

Veja as opções de tours no Centro:

São Paulo Free Walking Tour

O São Paulo Free Walking Tour começou como um tour em inglês, mas agora também há passeios guiados em português e outras opções.

O ponto de encontro é a Praça da República e a partir daí o grupo percorre os principais pontos turísticos do centro, como Copan, Teatro Municipal, Pateo do Colégio, Prefeitura e Biblioteca Mário de Andrade, entre outros. Dura 3h30, com 20 minutos de intervalo na Padaria Santa Tereza, a mais antiga de São Paulo.

Quando: segunda, quarta e sábado, às 11h, em inglês. Sábados, às 10h30, em português.

Como: Como os grupos estão menores, é melhor reservar lugar pelo site para garantir.

Preço: Cada um paga quanto quiser.

Caminhada Noturna

A caminhada noturna existe há 15 anos, criada e patrocinada pelo empresário Carlos Beutel, dono do restaurante vegetariano Apfel, na Rua Dom José de Barros. Toda as quintas-feiras, às 20h, o grupo se reunia em frente ao Theatro Municipal e seguia, cada dia por um trajeto e um tema diferentes, guiados pelo guia Laercio Cardoso de Carvalho.

Com a pandemia, os passeios viraram virtuais e o grupo se reúne no mesmo horário, pelo Zoom, para um encontro e um passeio virtual.

Quando: Toda quinta-feira, às 20h, neste link.

Bike Tour SP

Este é para quem quer andar de bicicleta no centro, mas tem medo da violência do trânsito ou de passar por locais que não conhece direito. A Bike Tour SP foi criada 2013 pelos irmãos André e Daniel Moral, com o objetivo de disseminar a prática do ciclismo, e vem organizando passeios com a ajuda de voluntários e patrocínio de algumas empresas, que bancam as bicicletas e capacetes.

Não é preciso levar nada, a não ser disposição de pedalar e vestir uma roupa adequada.

O grupo faz um roteiro de seis quilômetros pelo Centro, visitando 26 pontos turísticos, com guias e um áudio com informações em português, inglês e espanhol.

A rota conta ainda com um triciclo trenzinho para pessoas com deficiência, idosos e mobilidade reduzida. E também foram colocados tablets acoplados nas bicicletas com acessibilidade em libras.

Quando: sábados, às 9h, 11h, 13h, 15h.

Como: para marcar, é preciso acessar este site. É gratuito, mas os organizadores pedem a doação de dois quilos de alimentos que são doados a  duas instituições que auxiliam famílias carentes no Centro, o Núcleo Assistencial Bezerra de Menezes e o Clube de Esperança Nova Aurora.

Urban Bike SP

Os jornalistas Renato Goes e João Pejan começaram a pedalar juntos em 2010 e, depois de verem tours de bike em outras cidades, principalmente na Europa, em 2013 decidiram criar um tour deste tipo em São Paulo, numa época em que as pessoas ainda tinham receio de pedalar na cidade. Pensando principalmente nos turistas que viriam para a cidade na época da Copa do Mundo, compraram seis bicicletas e começaram a oferecer o tour para os hóspedes do hostel de um amigo. Nos anos seguintes, continuaram com um público estrangeiro forte, até que a pandemia reduziu o turismo internacional e hoje os clientes são em sua maioria brasileiros.

O tour no Centro sai do hostel Selina Aurora, na Avenida Vieira de Carvalho, e passa pelo Arouche, Campos Elíseos, Bom Retiro, São Bento, Sé, São Francisco e Minhocão. O passeio permite observar a cidade de um outro ponto de vista. O trajeto inclui paradas para explicação de pontos turísticos e prédios históricos e paradas para fotos. O guia credenciado fala português, inglês e espanhol.

Quando: domingo, às 10h. Duração de 3 horas.

Preço: R$ 100 por pessoa, incluindo bicicleta, capacete e água. Também faz grupos fechados em outras datas, por R$ 200 uma pessoa, R$ 150 por pessoa em grupos de 2 e R$ 100 por pessoa em grupos de 3 ou mais.

Inscrições no site.

Leia também: CONHEÇA 5 CAFÉS EM PRÉDIOS HISTÓRICOS NO CENTRO DE SÃO PAULO

COPAN: ATRAÇÕES NO EDIFÍCIO-SÍMBOLO DO CENTRO DE SÃO PAULO